Memória Litúrgica de São João Paulo II | Paulus Editora

Notícias

18/10/2021

Memória Litúrgica de São João Paulo II

Por Imprensa

Indicar a um amigo:





BANNER SAO JOAO PAULO II

No próximo dia 22 de outubro, a Igreja Católica celebra a memória litúrgica de São João Paulo II (1920-2005). Conhecido no mundo inteiro como o “Peregrino da Paz”, o servo eleito de Deus deixou um imenso legado para todos os cristãos, ensinamentos, testemunhos de fé, coragem e resiliência, virtudes que ultrapassam o tempo e as gerações.

Por seu carisma, amor ao pontificado, forte atenção aos jovens, às famílias e aos doentes, São João Paulo II é lembrado como um modelo de santidade, um Papa que não deixou se abater pela dor e foi reconhecido como um dos líderes mais influentes do século XX. Ele teve um dos pontificados mais longos da história da Igreja e viajou o mundo anunciando a paz, mediando conflitos e difundindo os ensinamentos da Igreja. Foram quase 27 anos servindo a Deus pela Santa Sé. Com efeito, a presente data foi estabelecida pelo papa Francisco por simbolizar o dia em que Karol Wojtyla celebrou sua primeira missa como Pontífice, em 1978, início de seu pontificado.

Devoto da Virgem Maria, São João Paulo II, nasceu no dia 18 de Maio de 1920, na Cracóvia, Polônia, foi o segundo de dois filhos de Karol Wojtyła e de Emília Kaczorowska, foi batizado com o nome de Karol Wojtyła. Eleito Papa em 16 de outubro de 1978, São João Paulo II após uma vida inteiramente entregue à condução da Igreja, faleceu no dia 2 de abril de 2005, na época ele já era considerado Santo pelos fiéis da Igreja. Em 1° de maio de 2011, foi beatificado pelo Papa Bento XVI.

No dia 27 de abril de 2014, Domingo da Divina Misericórdia, João Paulo II juntamente com o Papa João XXIII foi canonizado pelo Papa Francisco. É importante lembrar que São João Paulo instituiu a Jornada Mundial da Juventude, em 1985, e o Encontro Mundial das Famílias. Outro destaque em seu pontificado foi a divulgação do Catecismo da Igreja Católica. Para celebrar esta data, a PAULUS sugere títulos que falam da biografia, principais ensinamentos e importância do magistério de São João Paulo II para a Igreja. Confira abaixo:

Divina Misericórdia – Ensinamentos de São João Paulo II

 

 

A “Coleção Ensinamentos” reúne instruções dos santos e santas da Igreja sobre os mais variados temas. O livro “Divina Misericórdia – Ensinamentos de São João Paulo II”, além de apresentar frases para meditar e rezar traz bonitas imagens que ajudam na reflexão do leitor. Neste volume, foram selecionados alguns ensinamentos de São João Paulo II sobre a misericórdia infinita de Deus. Saiba mais!

 

João Paulo II – Santo Já

 

Na obra “João Paulo II – Santo já”, o autor Andrea Riccardi relata que não é fácil canonizar um pontífice contemporâneo, também devido à complexidade de sua história e às implicações de suas decisões.  São João Paulo II, por seu lado, teve vida complexa e um pontificado bastante longo. O que foi que levou a Igreja de Ratzinger e de Bergoglio a tomar tal decisão em tão curto tempo? Talvez esse tipo de decisão queira destacar que São João Paulo II foi um papa profundamente diverso de seus predecessores? Neste breve ensaio, Andrea Riccardi responde a essas questões e percorre as articulações e acontecimentos que conduziram à canonização de João Paulo II.  Saiba mais!

 

João Paulo II – A biografia

 

São João Paulo II, papa de 1978 a 2005, foi um grande protagonista no cenário mundial. Sempre a serviço da Igreja, o peregrino de Deus acreditou na mudança do mundo: por toda parte, comunicou o Evangelho, favoreceu a união entre os cristãos, o diálogo entre as religiões e trabalhou pela paz. São João Paulo II faleceu no dia 2 de abril de 2005. Foi declarado bem-aventurado por Bento XVI no dia 1º de maio de 2011. Celebra-se sua memória litúrgica em 22 de outubro. A obra “João Paulo II – A biografia” de Andrea Riccardi, professor que conheceu de perto o pontífice, é a primeira verdadeira biografia escrita em base científica e testemunhada de um papa ainda vivo nas lembranças e nos corações de muitas pessoas. Da coleção “Biografias”, que já conta três publicações. Saiba mais!

Diário de uma amizade – A família Półtawski e Karol Wojtyła

 

Depois de ter passado alguns anos no campo de concentração de Ravensbrück, localizado na antiga Alemanha Oriental, e de ter sido submetida pelos médicos nazistas a uma cirurgia com fins experimentais e a pesados sofrimentos físicos, Wanda Póltawska não conseguia encontrar para si um lugar tranquilo no mundo, capaz de aplacar sua inquietação e seu sentimento de estranheza. Foi então que Deus colocou em seu caminho alguém que a compreendesse e a ajudasse: tratava-se do então padre Karol Wojtyla. Graças à proximidade pessoal e à amizade com o grande sacerdote, Wanda consegue reaver, por meio de uma fraterna direção espiritual, a harmonia e a paz necessárias para o seu caminhar. Saiba mais!