26 de junho – 13º DOMINGO DO TEMPO COMUM | Paulus Editora

O Domingo
26 de junho – 13º DOMINGO DO TEMPO COMUM

Indicar a um amigo:





CAMINHAR COM JESUS

Embora saiba o que o espera em Jerusalém, Jesus toma a firme decisão de se dirigir para lá. É a decisão de quem tem clareza da própria missão e segue em frente, sem esmorecer diante dos desafios.

Acompanhar a caminhada de Jesus não é fácil. Ele não nos oferece seguranças nem prestígio. É no caminho com ele que aprendemos a superar os obstáculos da missão. Quem quer ser discípulo é chamado a enfrentar o caminho com o Mestre.

O Evangelho traz três breves cenas para ilustrar as exigências do seguimento de Jesus.

Na primeira cena, alguém de coragem dele se aproxima, disposto a segui-lo. O Mestre lhe mostra as condições em que vive: sem estabilidade. Não o ilude, apenas expõe-lhe a realidade de sua vida. Se quem o procura estiver disposto a viver como ele, será bem-vindo! E quanto a nós: nosso modo de vida favorece, dificulta ou chega a ponto de impedir o compromisso com o projeto de Jesus?

Na segunda cena, Jesus convida outro para segui-lo, mas este estabelece um prazo: após a morte do pai. Provavelmente a resposta não significava que o pai estivesse morto e precisasse ser enterrado, e sim que, antes de seguir o Mestre, a intenção era acompanhar os pais até o fim da vida. A resposta de Jesus não despreza a dignidade dos mortos nem desvaloriza as famílias, mas exprime que o Reino de Deus é prioridade.

Na terceira cena, outra pessoa se propõe segui-lo, mas apresenta uma condição: quer um prazo antes de decidir-se. Seguir Jesus e assumir seu projeto exige coragem, determinação, olhar para a frente, não se prender ao passado. Há situações em que é necessário romper até mesmo com os familiares para se dedicar ao Reino de Deus.

Essas cenas indicam que o projeto de Jesus não pode esperar. Elas propõem que saiamos de nós mesmos, deixando de lado o que não é essencial, e nos despojemos de nossas desculpas. Exige-se ousadia profética a quem se dispõe a caminhar com Jesus!

Pe. Nilo Luza, ssp


O Domingo

É um periódico que tem a missão de colaborar na animação das comunidades cristãs em seus momentos de celebração eucarística. Ele é composto pelas leituras litúrgicas de cada domingo, uma proposta de oração eucarística, cantos próprios e adequados para cada parte da missa e duas colunas, uma reflete sobre o evangelho do dia e a outra sobre temas relacionados à vida da Igreja.

Assinar