Teté do Abaeté | Paulus Editora

Releases

30/10/2020

Teté do Abaeté

Por Imprensa

Indicar a um amigo:





Ficha Técnica:
Título: Teté de Abaeté
Autora: Ana Dantas
ilustradora: Sandra Ronca
Catálogo: Infantil
Coleção: De tudo um pouco
Acabamento: Brochura
Formato: 21 (larg) x 27.5 (alt)
Páginas: 32
Áreas de interesse: Infantil, Alfabeto

Ana Dantas apresenta uma narrativa da relação amorosa entre mãe e filho que acontece às margens da lendária Lagoa de Abaeté

Escrito nas versões português e inglês, o livro Teté do Abaeté traz em seu enredo a história de uma mãe que, descendente de escravos e analfabeta, teve que trabalhar desde muito cedo e prometeu um futuro diferente ao seu filho.  No início da obra, o leitor encontra uma saudosa lembrança de Teté sobre as histórias contadas pelas lavadeiras – entre elas, sua mãe e avó -, na Lagoa de Abaeté, situada na área de proteção ambiental no Parque Metropolitano Lagoas e Dunas do Abaeté, no bairro de Itapuã, em Salvador.

De acordo com a autora, a obra resgata uma história de matriarcado e descendência de escravos que, ao longo dos anos, foi-se adaptando a vida moderna onde as antigas lavadeiras do local tornaram-se as ganhadeiras: “Mulheres fortes que deixam sua beleza e cores ao longo de décadas enquanto se transformam, superando suas próprias expectativas na sociedade. Nas entrelinhas da obra, vejo muita força e poder dessas mulheres.”, diz Ana Dantas.

Com ilustrações de Sandra Ronca, a obra infantil também é recomendada para os adultos. A autora diz que Teté tem o retrato da maioria das mulheres no Brasil, no entanto os dilemas e narrativas tratadas no livro são universais. Emancipação feminina; superação; analfabetismo; respeito à natureza são os temas centrais do livro, que ainda traz reflexões sobre a situação atual da Lagoa de Abaeté: “Realmente eu esperanço que a obra traga mais consciência para as futuras gerações no jeito de tratar e respeitar a natureza, pois é dela que tiramos nossa maior riqueza e abundância de vida, sempre! Esperanço que Teté traga força para a comunidade local para transpor mais este obstáculo e dilema da sociedade”, afirma Ana.

Ao final da narrativa, com dedicação e esforço, Teté surpreende o seu filho João com um ato de amor, que o emociona e promete emocionar também o leitor.

Ana Dantas é escritora, roteirista, jornalista e publicitária. Após vinte anos trabalhando na área de marketing, foi aos EUA fazer pós-graduação no curso One-Year Screenwriting na New York Film Academy, entre 2009 e 2010. Roteirizou e dirigiu o curta-metragem Red shoes (2010), escreveu o telefilme Caju com pizza (2014). A biografia completa e outros detalhes da carreira da autora podem ser conferidos no site www.anadantas.com.br ou seguindo-a no Instagram e no facebook: @anadantasautora.

Sandra Ronca é escritora e ilustradora de literatura infantil, formada em Comunicação Social e pós-graduada em Design e Ilustração. Fez cursos na área de artes, literatura e design. Estudou ilustração infantil em Sarmede e Macerata, na Itália. Em 2010 e 2011, participou de mostras na Itália e no Japão. Possui diversos livros publicados como ilustradora e autora.