Releases

28/06/2019

Ser Sacerdote

Por Imprensa

Indicar a um amigo:





Ficha Técnica
Título: Ser Sacerdote
Autor (a): Dom Edson Oriolo
Acabamento: Brochura
Formato: 13.5 (larg) x 21 (alt)
Páginas: 96
Área de interesse: Vocação e Vida Religiosa

Obra reflete sobre a identidade sacerdotal

 “Ide, pois, ensinai todas as nações” (Mt 28,19)

Publicado pela PAULUS Editora e escrito por Dom Edson Oriolo, bispo da Diocese de Leopoldina (MG), o livro “Ser Sacerdote” a partir do Concílio Vaticano II, se dedica ao estudo e reflexão sobre o ministério e a vida dos presbíteros.

A obra é destinada a todos os sacerdotes e para os leitores que desejam entender melhor o sacramento da ordem. Na publicação, Dom Edson Oriolo dá a sua contribuição na compreensão do “Ser Sacerdote” e, apresenta algumas indicações e luzes para que os sacerdotes possam exercer o ministério com amor, personalidade, dedicação e zelo ao povo de Deus a ele confiado.

O volume está dividido em cinco capítulos.  No primeiro capítulo, fala-se sobre Identidade sacerdotal, tema considerado pelo autor fundamental para o exercício do sacerdócio ministerial no momento de grandes transformações na sociedade.

Na sequência, Oriolo traz uma contribuição do pensamento do Papa Francisco de como deve ser o sacerdote para uma “Igreja em saída”.  Já o terceiro capítulo, reflete sobre o sacramento da ordem, que é a imposição das mãos e a oração consagradora, por parte do bispo, para o exercício do ministério sacerdotal.

Outro ponto importante é o tema a respeito da concelebração eucarística, presente no quarto capítulo. Neste tópico, o autor trabalha o sentido teólogo da concelebração eucarística, momento em que se reúnem vários sacerdotes para celebrar. O bispo apresenta as orientações da Igreja e fala sobre o alcance pastoral e espiritual para a comunidade cristã.

Por fim, o último capítulo comenta as atividades do sacerdote, que é a  celebração da Eucarística. Segundo o autor, para celebrar o mistério do sacrifício, o sacerdote deve ter uma intenção, seja atual, virtual ou habitual. Isto é, a intensão da missa é acima de tudo celebrar a Deus que salvou a humanidade  em Cristo Jesus e a santificou pelo Espírito Santo.

Dom Edson enfatiza na obra que, o sacerdote continua sendo um personagem importante na sociedade contemporânea.  Um homem que escolhe ter Cristo como mestre e modelo de vida e se debruça em servir o povo de Deus nas inúmeras comunidades cristãs.

Dom Edson Oriolo é bispo da Diocese de Leopoldina (MG), mestre em Filosofia Social pela PUC-Campinas, especialista em Aristóteles pela Unicamp e em Marketing pela Universidade Gama Filho, pela qual também pós-graduou-se em Gestão de Pessoas. Publicou pela PAULUS: Paróquia renovada: sinal de esperança, Pastoral do dízimo: da comunicação ao comprometimento e Ser diácono. Escreve para várias revistas e periódicos sobre gestão eclesial, pós-humano, paróquias, Pastoral Urbana e Pastoral do Dízimo.