Seminarista Diocesano: Identidade, vocação e missão | Paulus Editora

Releases

30/11/2021

Seminarista Diocesano: Identidade, vocação e missão

Por Imprensa

Indicar a um amigo:





Ficha Técnica
Título: Seminarista Diocesano: Identidade, vocação e missão
Orgs: Humberto Robson de Carvalho/ Thales Martins do Santos/Antonio Wardison C. Silva
Coleção:  Vocação e Missão
Acabamento: Brochura
Formato: 13,5 (larg) x 21 (alt)
Páginas: 416
Área de interesse: Vocação e Vida Consagrada

A PAULUS Editora lança a obra “Seminarista Diocesano: Identidade, vocação e missão”, organizada por Humberto Robson de Carvalho, Thales Martins do Santos e Antonio Wardison C. Silva. O presente livro convida à reflexão sobre a identidade, a vocação e a missão do seminarista diocesano.

A obra em questão direciona o leitor a temas escolhidos com textos que tratam de questões existenciais, pessoais, eclesiais e de fé para o processo formativo dos futuros presbíteros diocesanos na Igreja. Esta publicação torna-se um marco para a formação dos seminaristas diocesanos da Igreja do Brasil. Segundo os organizadores, os religiosos aspirantes ao ministério presbiteral encontram inúmeros textos em seus diversos institutos, congregações ou ordens. Os seminaristas,  por sua vez, carecem de tais ferramentas que auxiliem no cotidiano e no exercício de sua vocação rumo ao presbiterado.

Neste sentido, o livro está organizado em 26 capítulos, elaborados por diversos autores de todo o Brasil. Conforme a publicação, os temas propostos foram sugeridos e avaliados por vários formadores, especialistas, alguns bispos e pessoas envolvidas no processo formativo dos seminaristas diocesanos. Com base na Doutrina da Igreja, o conteúdo apresenta elementos constitutivos de todo o processo formativo de um padre. Os temas propostos abordam questões como o amadurecimento humano, afetivo, espiritual e pastoral; todas elas iluminadas e guiadas pela Tradição, pelo magistério e pela experiência dos seminaristas diocesanos e dos especialistas.

Para os organizadores, os textos são um feedback à Igreja de como os seminaristas diocesanos estão assimilando o chamado à vocação presbiteral e em que sentido assumem as diretrizes de sua formação sacerdotal. A publicação traz pistas para o diálogo da própria Igreja com os jovens que se dedicam ao discernimento da vocação e também dos próprios seminaristas que, em um trabalho conjunto, expressam suas percepções, sentimentos, pensamentos e desafios que enfrentam no contexto social e eclesial.

Em suma, o livro responderá a seguinte questão: O que é ser seminarista hoje? Quais as influências que os âmbitos social e eclesial exercem na identidade e no ser do futuro presbítero? Qual o significado do ministério presbiteral? Com tais questões, o livro aponta pistas que visam orientar os seminaristas diocesanos e seus formadores, tendo em vista a construção do projeto de vida sacerdotal proposto pela Igreja. O conteúdo não é recomendado apenas para seminaristas, mas também para formadores, presbíteros e bispos diocesanos.

Para Padre Humberto Robson de Carvalho, o livro pretende ser um auxílio à pastoral vocacional e aos responsáveis pelo processo de discernimento dos jovens e adultos que se apresentam com o desejo de se tornarem ministros ordenados para servir o Senhor.

Humberto Robson de Carvalho pertence ao clero diocesano da Arquidiocese de São Paulo (pároco da Paróquia Nossa Senhora Aparecida – Região Episcopal Santana). É mestre em educação, especialista em Catequese, Espiritualidade e Liturgia, graduado em Filosofia, Pedagogia e Teologia e coordenador dos cursos de pós-graduação em Catequese e Espiritualidade no Centro Universitário Salesiano de São Paulo. Pela PAULUS, publicou os livros: “Elementos fundamentais da espiritualidade do catequista”; “Missa: celebração do mistério pascal de Jesus”; “Ministério do catequista: elementos básicos para a formação”; “Paróquia missionária: projeto de evangelização e missão paroquial na cidade”; “Espiritualidade do padre diocesano”; “Catequistas: vocação ministério e missão”; entre outros.

Antonio Wardison C. Silva é pós-doutorando em Filosofia pela Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), doutor em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). Especialista em Filosofia e Existência em Catequese. Licenciado em Filosofia e bacharel em Teologia. Desenvolve pesquisas na área de filosofia contemporânea, particularmente sobre ética, linguagem e pragmatismo; também nas áreas de hermenêutica, antropologia teológica e catequese. Atualmente, é coordenador do curso de Teologia do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (Unisal). Professor, na mesma instituição, de cursos de pós-graduação; pesquisador do grupo de pesquisa Antropologia Teológica (Unisal/CNPq) e do Centro de Estudos de Pragmatismo (PUC-SP/ CNPq). Pela PAULUS, publicou “Karl-Otto Apel: itinerário formativo da ética do discurso”. 

Thales Martins dos Santos é mestrando em Ciências da Religião (Umesp). Especialista em Espiritualidade (Unisal-SP). Licenciado em Filosofia (Faerpi-PI). Bacharel em Teologia (Pio XI-SP). Membro da Sociedade Brasileira de Teologia Moral (SBTM). Membro do grupo de pesquisa Pessoa Humana: antropologia, ética e sexualidade (PUC-SP/CNPq).