A terra sem males – Mito guarani | Paulus Editora

Releases

13/04/2011

A terra sem males – Mito guarani

Por adm

Indicar a um amigo:





Ficha Técnica
Título: A terra sem males – mito guarani
Autor: Jakson de Alencar
Ilustração: Angelo Abu
Coleção: Mistura Brasileira
Acabamento: grampeado
Formato: 21 cm x 27 cm
Páginas: 24
Áreas de interesse: História, Geografia, Língua Portuguesa e Artes

Livro da PAULUS fala sobre o mito guarani para o público infantojuvenil

Nhanderu, nosso grande pai, vendo a maldade das pessoas e a vida piorando a cada dia, resolveu acabar com a terra, mas avisou antes Guirapoty, o nosso pajé, para que fizesse danças rituais. Ele obedeceu e passou a noite dançando ao som de cantos e instrumentos.

Assim começa A terra sem males – Mito guarani, da PAULUS, que fala do profundo anseio do ser humano por um mundo melhor, mais feliz, sem guerras e sem maldades.

No livro, Guirapoty parte com sua família em direção ao mar para escapar do incêndio que vai acabar com a terra, mas o pajé prevê que logo aconteceriam enchentes, e, para proteger sua família, ele constrói uma casa. A água vinha tão forte que a família precisou subir no telhado da casa; desesperado, Guirapoty entoou o Nheengaraí, o canto solene guarani, pedindo ao grande pai que eles pudessem ir para o outro lado do oceano, para uma terra sem males.

De acordo com o autor, Jakson Alencar, há inúmeros mitos brasileiros bastante difundidos, mas o da terra sem males ele nunca havia visto, nem em livro para adultos nem em livros para crianças. “Penso que a grande maioria da população brasileira conhece pouco a cultura indígena, ou conhece de maneira superficial. Há sempre aquela banalização da cultura indígena como se fosse algo menor, pouco evoluído, enfim, uma série de preconceitos. Pouco se sabe sobre a imensa sabedoria indígena desenvolvida ao longo de séculos”, afirma.

O autor enfatiza que o mito da terra sem males não é apenas uma utopia guarani, mas um desejo buscado por muitos. “O mundo parece realmente cheio de problemas insolúveis, mas não podemos apagar o ideal de uma terra sem males de dentro da gente, vamos continuar alimentando esse sonho e melhorando o mundo a partir de nós mesmos, daquilo que está ao nosso alcance”.

A obra apresenta também uma seção informativa, na qual o leitor tem a oportunidade de conhecer o sentido do mito, bem como os elementos da história e da cultura indígena no Brasil. A terra sem males faz parte da coleção Mistura Brasileira, conhecida por abordar assuntos e personalidades que influenciaram na construção da cultura do país. Chico Rei, Mundaréu e Foi quando a Família Real chegou… são alguns títulos que confirmam a  essência brasileira presente nesta série.

Jakson de Alencar, cearense radicado em São Paulo, formado em Jornalismo, Filosofia e Teologia. Trabalha há alguns anos como editor de literatura infantojuvenil na PAULUS Editora, onde também edita a revista Vida Pastoral. Vários dos livros que editou receberam o certificado de Altamente Recomendável da FNLIJ, ou de Acervo Básico, e foram selecionados para o catálogo brasileiro da feira internacional de literatura infantil de Bolonha, Itália. Organizou, em parceria com Lúcia Pimentel Góes, o livro A alma da Imagem: as ilustrações nos livros para crianças e jovens na palavra de seus criadores.