Liturgia diária das horas
DIA 24 – DOMINGO

Indicar a um amigo:





Ascensão do Senhor

Solenidade

LAUDES (Manhã)

1. Hino

Esperado com ânsia por todos, / hoje o dia sagrado brilhou / em que Cristo, esperança do mundo, / Deus e Homem, ao céu se elevou.

Triunfou sobre o príncipe do mundo, / vencedor num combate gigante, / e apresenta a Deus Pai, no seu rosto, / toda a glória da carne triunfante.

Dos fiéis ele é a esperança, / numa nuvem de luz elevado, / e de novo abre aos homens o céu / que seus pais lhes haviam fechado.

Oh imensa alegria de todos, / quando o Filho que a Virgem gerou, / logo após o flagelo e a cruz, / à direita do Pai se assentou.

Demos graças a tal defensor / que nos salva, que vida nos deu, / e consigo no céu faz sentar-se / nosso corpo no trono de Deus.

Com aqueles que habitam o céu / partilhamos tão grande alegria. / Cristo a eles se deu para sempre, / mas conosco estará cada dia.

Cristo, agora elevado às alturas, / nossa mente convosco elevai, / e, do alto, enviai-nos depressa / vosso Espírito, o Espírito do Pai.

2. Salmo 62(63) - Sede de Deus

Ant. 1. Ó homens galileus, por que estais a olhar os céus? Jesus que aos céus subiu, da mesma forma há de vir. Aleluia.

Sois vós, ó Senhor, o meu Deus! * / Desde a aurora ansioso vos busco! / = A minh’alma tem sede de vós, † / minha carne também vos deseja, * / como terra sedenta e sem água!

Venho, assim, contemplar-vos no templo, * / para ver vossa glória e poder. / – Vosso amor vale mais do que a vida: * / e por isso meus lábios vos louvam.

Quero, pois, vos louvar pela vida * / e elevar para vós minhas mãos! / – A minh’alma será saciada, * / como em grande banquete de festa; / –canta a alegria em meus lábios, * / ao cantar para vós meu louvor!

Penso em vós no meu leito, de noite, * / nas vilias suspiro por vós! / – Para mim fostes sempre um socorro; * / de vossas asas à sombra eu exulto! / – Minha alma se agarra em vós; * / com poder vossa mão me sustenta.

Glória. Ant. 1. Ó homens galileus, por que estais a olhar os céus? Jesus que aos céus subiu, da mesma forma há de vir. Aleluia.

3. Cântico Dn 3,57-88.56 - Louvor das criaturas ao Senhor

Ant. 2. Exaltai o Rei dos reis, cantai hinos ao Senhor! Aleluia.

Obras do Senhor, bendizei o Senhor, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Céus do Senhor, bendizei o Senhor! * / Anjos do Senhor, bendizei o Senhor!

(R. Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! ou R. A ele glória e louvor eternamente!)

Águas do alto céu, bendizei o Senhor! * / Potências do Senhor, bendizei o Senhor! / – Lua e sol, bendizei o Senhor! * / Astros e estrelas, bendizei o Senhor! – R.

Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor! * / Brisas e ventos, bendizei o Senhor! / – Fogo e calor, bendizei o Senhor! * / Frio e ardor, bendizei o Senhor! – R.

Orvalhos e garoas, bendizei o Senhor! * / Geada e frio, bendizei o Senhor! / – Gelos e neves, bendizei o Senhor! * / Noites e dias, bendizei o Senhor! – R.

Luzes e trevas, bendizei o Senhor! * / Raios e nuvens, bendizei o Senhor! / – Ilhas e terra, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

Montes e colinas, bendizei o Senhor! * / Plantas da terra, bendizei o Senhor! / – Mares e rios, bendizei o Senhor! * / Fontes e nascentes, bendizei o Senhor! – R.

Baleias e peixes, bendizei o Senhor! * / Pássaros do céu, bendizei o Senhor! / – Feras e rebanhos, bendizei o Senhor! * / Filhos dos homens, bendizei o Senhor! – R.

Filhos de Israel, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor! * / Servos do Senhor, bendizei o Senhor! – R.

Almas dos justos, bendizei o Senhor! * / Santos e humildes, bendizei o Senhor! / – Jovens Misael, Ananias e Azarias, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

Ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo * / louvemos e exaltemos pelos culos sem fim! / – Bendito sois, Senhor, no firmamento dos céus! * / Sois digno de louvor e de glória eternamente! – R.

No fim deste cântico, não se diz: Glória ao Pai.

Glória. Ant. 2. Exaltai o Rei dos reis, cantai hinos ao Senhor! Aleluia.

4. Salmo 149 - A alegria e o louvor dos santos

Ant. 3. O Senhor se elevou à vista deles, e uma nuvem o acolheu na glória eterna. Aleluia.

Cantai ao Senhor Deus um canto novo, * / e o seu louvor na assembleia dos fiéis! / – Alegre-se Israel em Quem o fez, * / e Sião se rejubile no seu Rei! / – Com danças glorifiquem o seu nome, * / toquem harpa e tambor em sua honra!

Porque, de fato, o Senhor ama seu povo * / e coroa com vitória os seus humildes. / – Exultem os fiéis por sua glória, * / e cantando se levantem de seus leitos, / – com louvores do Senhor em sua boca * / e espadas de dois gumes em sua mão,

para exercer sua vingança entre as nações * / e infligir o seu castigo entre os povos, / – colocando nas algemas os seus reis, * / e seus nobres entre ferros e correntes, / – para aplicar-lhes a sentença já escrita: * / Eis a glória para todos os seus santos.

Glória. Ant. 3. O Senhor se elevou à vista deles, e uma nuvem o acolheu na glória eterna. Aleluia.

5. Leitura breve Hb 10,12-14

Cristo, depois de ter oferecido um sacrifício único pelos pecados, sentou-se para sempre à direita de Deus. Não lhe resta mais senão esperar até que seus inimigos sejam postos debaixo de seus pés. De fato, com esta única oferenda, levou à perfeição definitiva os que ele santifica.

6. Responsório breve

R. Subindo o Cristo para o alto. * Aleluia, aleluia. R. Subindo.

V. Levou cativo o cativeiro. * Aleluia. Glória ao Pai. R. Subindo.

7. Cântico evangélico

Ant. Eu subo ao meu Pai e vosso Pai, ao meu Deus e vosso Deus. Aleluia.

Benedictus – Lc 1,68-79

O Messias e seu Precursor

– Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *
porque a seu povo visitou e libertou;
– e fez surgir um poderoso Salvador *
na casa de Davi, seu servidor,

– como falara pela boca de seus santos, *
os profetas desde os tempos mais antigos,
– para salvar-nos do poder dos inimigos *
e da mão de todos quantos nos odeiam.

– Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *
recordando a sua santa Aliança
– e o juramento a Abraão, o nosso pai, *
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

= a ele nós sirvamos sem temor †
em santidade e em justiça diante dele, *
enquanto perdurarem nossos dias.

= Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †
pois irás andando à frente do Senhor *
para aplainar e preparar os seus caminhos,

– anunciando ao seu povo a salvação, *
que está na remissão de seus pecados,

– pela bondade e compaixão de nosso Deus, *
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

– para iluminar a quantos jazem entre as trevas *
e na sombra da morte estão sentados
– e para dirigir os nossos passos, *
guiando-os no caminho da paz.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Eu subo ao meu Pai e vosso Pai, ao meu Deus e vosso Deus. Aleluia.

8. Preces

Invoquemos com alegria o Senhor Jesus Cristo, que, elevado da terra, atrai para si todas as coisas; e o aclamemos:

R. Cristo, rei da glória, nós vos louvamos!

SENHOR Jesus, rei da glória, que, oferecido em sacrifício uma vez para sempre, subistes vitorioso para o céu, onde estais à direita do Pai, conduzi os homens e as mulheres à perfeição da caridade. – R.

SACERDOTE eterno e ministro da Nova Aliança, que viveis eternamente intercedendo por nós, salvai o povo que vos suplica. – R.

SENHOR, que voltastes à vida depois de sofrer a Paixão e durante quarenta dias aparecestes a vossos discípulos, confirmai, hoje, a nossa fé. – R.

SENHOR, que, neste dia, prometestes dar aos apóstolos o Espírito Santo, para que fossem testemunhas vossas até os confins da terra, fortalecei também, pela força do mesmo Espírito Santo, o nosso testemunho. – R.

(intenções livres)
9. Pai nosso...
10. Oração

Ó Deus todo-poderoso, a ascensão do vosso Filho já é nossa vitória. Fazei-nos exultar de alegria e fervorosa ação de graças, pois, membros de seu corpo, somos chamados na esperança a participar da sua glória. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.


Liturgia Diária das Horas

Esse subsídio oferece a todas as pessoas a oportunidade de participar dos principais momentos de oração da Igreja: Laudes (manhã), Vésperas (tarde) e Completas (noite). Com esse periódico é também possível recitar diariamente os Hinos, Salmos, Cânticos, Leituras, Preces e Orações, louvando e meditando a Palavra de Deus em união com milhões de cristãos em todo o mundo.

Assinar