Liturgia diária das horas
DIA 14 – SEXTA-FEIRA

Indicar a um amigo:





Exaltação da Santa Cruz - Festa

LAUDES (Manhã)

1. Hino

Por toda a terra fulgura / a silhueta da Cruz, / de onde pendeu inocente / o próprio Cristo Jesus.

Mais altaneira que os cedros, / ergue-se a Cruz triunfal: / não traz um fruto de morte, / dá vida a todo mortal.

Que o Rei da vida nos guarde / sob o estandarte da cruz, / broquel que a todos protege, / farol que a todos conduz.

De coração celebremos / a Cruz de nosso Senhor: / Moisés de braços abertos, / orando em nosso favor.

A Cruz de Cristo abraçando, / reinar possamos nos céus, / com o Pai, o Espírito e o Filho, / Trindade Santa, um só Deus.

2. Salmo 62(63) – Sede de Deus

Ant. 1. Sujeitou-se à santa Cruz quem venceu a própria morte, e, vestido de poder, ressurgiu após três dias.

– Sois vós, ó Senhor, o meu Deus! * / Desde a aurora ansioso vos busco! / = A minh’alma tem sede de vós, † / minha carne também vos deseja, * / como terra sedenta e sem água!

– Venho, assim, contemplar-vos no templo, * / para ver vossa glória e poder. / – Vosso amor vale mais do que a vida: * / e por isso meus lábios vos louvam.

– Quero, pois, vos louvar pela vida * / e elevar para vós minhas mãos! / – A minh’alma será saciada, * / como em grande banquete de festa; / – canta a alegria em meus lábios, * / ao cantar para vós meu louvor!

– Penso em vós no meu leito, de noite, * / nas vilias suspiro por vós! / – Para mim fostes sempre um socorro; * / de vossas asas à sombra eu exulto! / – Minha alma se agarra em vós; * / com poder vossa mão me sustenta.

Glória. Ant. 1. Sujeitou-se à santa Cruz quem venceu a própria morte, e, vestido de poder, ressurgiu após três dias.

3. Cântico Dn 3,57-88.56 – Louvor das criaturas ao Senhor

Ant. 2. Como brilha a Cruz bendita do Senhor! De seus braços o corpo está pendente; ele lava com seu sangue nossas chagas.

Obras do Senhor, bendizei o Senhor, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Céus do Senhor, bendizei o Senhor! * / Anjos do Senhor, bendizei o Senhor!

(R. Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim!  ou R. A ele glória e louvor eternamente!)

Águas do alto céu, bendizei o Senhor! * / Potências do Senhor, bendizei o Senhor! / – Lua e sol, bendizei o Senhor! * / Astros e estrelas, bendizei o Senhor! – R.

Chuvas e orvalhos, bendizei o Senhor! * / Brisas e ventos, bendizei o Senhor! / – Fogo e calor, bendizei o Senhor! * / Frio e ardor, bendizei o Senhor! – R.

– Orvalhos e garoas, bendizei o Senhor! * / Geada e frio, bendizei o Senhor! / – Gelos e neves, bendizei o Senhor! * / Noites e dias, bendizei o Senhor! – R.

Luzes e trevas, bendizei o Senhor! * / Raios e nuvens, bendizei o Senhor! / – Ilhas e terra, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

Montes e colinas, bendizei o Senhor! * / Plantas da terra, bendizei o Senhor! / – Mares e rios, bendizei o Senhor! * / Fontes e nascentes, bendizei o Senhor! – R.

– Baleias e peixes, bendizei o Senhor! * / Pássaros do céu, bendizei o Senhor! / – Feras e rebanhos, bendizei o Senhor! * / Filhos dos homens, bendizei o Senhor! – R.

Filhos de Israel, bendizei o Senhor! * / Louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! / – Sacerdotes do Senhor, bendizei o Senhor! * / Servos do Senhor, bendizei o Senhor! – R.

Almas dos justos, bendizei o Senhor! * / Santos e humildes, bendizei o Senhor! / – Jovens Misael, Ananias e Azarias, * / louvai-o e exaltai-o pelos culos sem fim! – R.

– Ao Pai e ao Filho e ao Esrito Santo * / louvemos e exaltemos pelos culos sem fim! / – Bendito sois, Senhor, no firmamento dos céus! * / Sois digno de louvor e de glória eternamente! – R.

No fim deste cântico, não se diz: Glória ao Pai. Ant. 2. Como brilha a Cruz bendita do Senhor! De seus braços o corpo está pendente; ele lava com seu sangue nossas chagas.

4. Salmo 149 – A alegria e o louvor dos santos

Ant. 3. Fulgurante resplandece a santa Cruz: por ela o mundo recupera a salvação, reina a cruz, triunfa a cruz, vence ao pecado. Aleluia.

– Cantai ao Senhor Deus um canto novo, * / e o seu louvor na assembleia dos fiéis! / – Alegre-se Israel em Quem o fez, * / e Sião se rejubile no seu Rei! / – Com danças glorifiquem o seu nome, * / toquem harpa e tambor em sua honra!

– Porque, de fato, o Senhor ama seu povo * / e coroa com vitória os seus humildes. / – Exultem os fiéis por sua glória, * / e cantando se levantem de seus leitos, / – com louvores do Senhor em sua boca * / e espadas de dois gumes em sua mão,

– para exercer sua vingança entre as nações * / e infligir o seu castigo entre os povos, / – colocando nas algemas os seus reis, * / e seus nobres entre ferros e correntes, / – para aplicar-lhes a sentença já escrita: * / Eis a glória para todos os seus santos.

Glória. Ant. 3. Fulgurante resplandece a santa Cruz: por ela o mundo recupera a salvação, reina a cruz, triunfa a cruz, vence ao pecado. Aleluia.

5. Leitura breve Hb 2,9b-10

Nós vemos a Jesus coroado de glória e honra, por ter sofrido a morte. Sim, pela graça de Deus em favor de todos, ele provou a morte. Convinha de fato que aquele, por quem e para quem todas as coisas existem, e que desejou conduzir muitos filhos à glória, levasse o iniciador da salvação deles à consumação, por meio de sofrimentos.

6. Responsório breve

R. Nós vos bendizemos e adoramos, * Ó Jesus, nosso Senhor. R. Nós vos.

V. Por vossa cruz vós redimistes este mundo. * Ó Jesus. Glória ao Pai. R. Nós vos.

7. Cântico evangélico

Ant. Adoramos, Senhor, vosso Madeiro; vossa ressurreição nós celebramos. A alegria chegou ao mundo inteiro pela Cruz que nós hoje veneramos.

Benedictus – Lc 1,68-79

O Messias e seu Precursor

– Bendito seja o Senhor Deus de Israel, *
porque a seu povo visitou e libertou;
– e fez surgir um poderoso Salvador *
na casa de Davi, seu servidor,

– como falara pela boca de seus santos, *
os profetas desde os tempos mais antigos,
– para salvar-nos do poder dos inimigos *
e da mão de todos quantos nos odeiam.

– Assim mostrou misericórdia a nossos pais, *
recordando a sua santa Aliança
– e o juramento a Abraão, o nosso pai, *
de conceder-nos que, libertos do inimigo,

= a ele nós sirvamos sem temor †
em santidade e em justiça diante dele, *
enquanto perdurarem nossos dias.

= Serás profeta do Altíssimo, ó menino, †
pois irás andando à frente do Senhor *
para aplainar e preparar os seus caminhos,

– anunciando ao seu povo a salvação, *
que está na remissão de seus pecados,

– pela bondade e compaixão de nosso Deus, *
que sobre nós fará brilhar o Sol nascente,

– para iluminar a quantos jazem entre as trevas *
e na sombra da morte estão sentados
– e para dirigir os nossos passos, *
guiando-os no caminho da paz.

– Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo. *
Como era no princípio, agora e sempre. Amém.

Ant. Adoramos, Senhor, vosso Madeiro; vossa ressurreição nós celebramos. A alegria chegou ao mundo inteiro pela Cruz que nós hoje veneramos.

8. Preces

Oremos ao nosso Redentor que nos remiu pela sua Cruz; e digamos com toda a confiança:

R. Salvai-nos, Senhor, pela vossa Santa Cruz!

FILHO de Deus, que pela imagem da serpente de bronze curastes o povo de Israel, protegei-nos neste dia contra o veneno do pecado. – R.

FILHO do Homem, que fostes erguido na cruz como a serpente foi levantada por Moisés no deserto, elevai-nos até à felicidade do vosso Reino. – R.

FILHO unigênito do Pai, que fostes entregue à morte para que todo aquele que acredita em vós não pereça, dai a vida eterna aos que procuram a vossa face. – R.

FILHO bem-amado do Pai, que fostes enviado ao mundo, não para condená-lo mas para salvá-lo, concedei o dom da fé aos nossos familiares e amigos para que sejam salvos. – R.

FILHO do Pai eterno, que viestes trazer o fogo à terra e quisestes vê-lo aceso, fazei que, praticando a verdade, nos aproximemos da luz. – R.

(intenções livres)
9. Pai nosso...
10. Oração

Ó Deus, que para salvar a todos dispusestes que o vosso Filho morresse na cruz, a nós, que conhecemos na terra este mistério, dai-nos colher no céu os frutos da redenção. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.


Liturgia Diária das Horas

Esse subsídio oferece a todas as pessoas a oportunidade de participar dos principais momentos de oração da Igreja: Laudes (manhã), Vésperas (tarde) e Completas (noite). Com esse periódico é também possível recitar diariamente os Hinos, Salmos, Cânticos, Leituras, Preces e Orações, louvando e meditando a Palavra de Deus em união com milhões de cristãos em todo o mundo.

Assinar