Lançamento da obra “Miscellanea: Escritos diversos”, em São Paulo | Paulus Editora

Notícias

13/12/2021

Lançamento da obra “Miscellanea: Escritos diversos”, em São Paulo

Por Imprensa

Indicar a um amigo:





Evento de lançamento do livro: “Miscellanea – Escritos diversos”, da coleção Amor e Psique  homenageia o legado de Jette e Léon Bonaventure

( Autora da PAULUS e coordenadora da coleção Amor e Psique – Maria Elci Spaccaquerche).

No último sábado, 11 de dezembro, a PAULUS Editora promoveu o lançamento presencial do livro “Miscellanea – Escritos diversos”, da coleção Amor e Psique.  O evento que homenageou o legado de Jette (1938-2018) e Léon Bonaventure (1934-2021), pioneiros da psicologia analítica junguiana no Brasil, ocorreu na Faculdade PAULUS de Comunicação (FAPCOM), localizada no bairro Vila Mariana, em São Paulo.

Seguindo todas as medidas de prevenção ao coronavírus, o encontro presencial reuniu amigos, familiares dos autores, psicólogos e autores da coleção Amor e Psique. O evento contou com a participação da PAULUS Livraria da Vila Mariana e da coordenadora da coleção, Maria Elci Spaccaquerche.  Ao longo do lançamento, os participantes comentaram suas impressões a respeito dos escritos e das grandes contribuições que o casal Bonaventure trouxe para o Brasil, desde a chegada em 1967. Além de livros, eles trouxeram a vontade de divulgar Jung no país, como uma forma de colaborar com as pesquisas na área da psicologia, de modo geral, para a educação brasileira.

No livro “Miscellanea – Escritos diversos”, que faz parte da coleção Amor e Psique, os autores apresentam uma coleção de textos, palestras e artigos que permeiam décadas de suas pesquisas na área da psicologia analítica, tanto no meio acadêmico quanto na área clínica. Os textos apresentados são uma homenagem a Jette Bonaventure (1938-2018), a pequena menina dinamarquesa brasileira. Ao passo que a publicação, também se tornou uma homenagem ao seu idealizador Léon Bonaventure que faleceu em 06 de novembro deste ano, antes mesmo da publicação do livro que preparou com tanta dedicação e carinho.

Para Catharine Bonaventure, filha do Dr. Léon e da Dra. Jette, seus pais deixaram um grande legado para todos.  “Meu pai era sonhador, avesso a toda e qualquer regra, o que ele pudesse quebrar de regras, ele quebraria. Desde o começo em 1967, a ideia de ter os livros é porque, ele percebeu o quanto faltava de cultura no nosso país. Ele disse para a minha mãe: precisamos ajudar na educação desse país através dos livros. Meu pai era uma pessoa divertida, mas ele nunca tinha uma resposta certa. Nós como filhos falávamos “Pai, só queremos uma resposta”, mas se perguntávamos se podíamos sair, ele dizia que a lua estava muito bonita. Era uma forma que ele tinha para nos fazer pensar, para encontrarmos o nosso próprio caminho”.  Segundo ela, além da psicologia, Dr. Léon tinha uma relação com as frutas e as flores. Foi ele quem trouxe o Kiwi para o Brasil e também outras variedades de Framboesa, foi uma das primeiras pessoas que certificou produtos orgânicos.

(Família Bonaventure).

“Meus pais não queriam desperdiçar frutas, viveram a segunda Guerra Mundial de perto, eles contavam fatos da guerra e não gostavam do desperdício. Do cultivo das frutas para o cultivo da alma – Meu pai não tinha vaidade, fez terapia na Suíça com a filha de Jung e percebeu o quanto era importante ajudar na educação do Brasil. Minha mãe era dinamarquesa, falava 16 línguas, ambos eram generosos, seus pacientes iam desde grandes empresários até pessoas mais simples. Minha mãe ajudou nas traduções das obras de Jung. Após o falecimento da minha mãe em 2018, meu pai decidiu unir os trabalhos que ambos construíram juntos. O livro é uma homenagem para a minha Mãe. Este livro foi a conclusão de uma história, a ideia do meu pai, foi uma homenagem a ela, ficaram 52 anos casados. Espero que as pessoas continuem sendo tocadas por esse trabalho. Que elas consigam entender que a vida é muito mais do que vaidade e dinheiro, que a gente pode ter trocas boas e se doar para o outro. Fico feliz que os livros serão doados para a biblioteca. A educação é a base de tudo. Tenho muito orgulho de ser filha deles”, afirma.

Segundo François Bonaventure, é um honra ser filho do Dr. Léon e da Dra. Jette Bonaventure. “É emocionante ver toda essa construção, o retorno de muitas pessoas que puderam contar com a contribuição dos meus pais. Via o quanto era importante para eles, fazer com que todo o conhecimento adquirido, fosse passado ao próximo. Meu pai observava os seus pacientes como super-heróis, ele tinha uma capacidade de olhar para a alma e não para os defeitos das pessoas. Ele conseguia ver o que tinha de mais bonito em cada um”, afirma.

Para Ana Rita Pasquini, psicóloga analista Junguiana, o livro Miscellanea é um conjunto de obras, teorias e conceitos.  Segundo ela, Léon traz uma diversidade de aprendizado para todos os dias. “Dr. Léon, faz um fechamento de tudo o que ensinou a vida toda. Creio que não exista um analista que não queira ler esta obra”, enfatiza. De acordo com a psicóloga Mara Regina Augusto, o Dr. Léon foi um precursor da psicologia analítica no Brasil, que não só trouxe a experiência dele, como muito material para o país. Este evento é uma forma de perpetuar as contribuições do Léon e da Jette, além de possibilitar com diversas obras da coleção “Amor e Psique”.

 “O pequeno menino da guerra (como gostava de dizer), o imenso jardineiro de almas! Esta é a imagem que ficará impressa em mim. Sua grandiosidade, generosidade e sabedoria do homem simples da roça que ao cultivar a terra, cultivou também a alma de tantas pessoas. Que privilégio ter convivido com o Dr. Léon”. Patrícia Alcover, secretária que durante 24 anos, dedicou-se a administrar os trabalhos do psicólogo e muitas vezes, pai e amigo.

Para a coordenadora da coleção, Maria Elci Spaccaquerche, anfitriã do evento, o lançamento presencial da obra foi uma forma de homenagear Jette e Léon Bonaventure, os pioneiros da Psicologia Analítica no Brasil e os grandes responsáveis por difundir a obra de C.G. Jung no país. A PAULUS Editora agradece a colaboração do Dr. Léon e da Dra. Jette Bonaventure para a construção de um trabalho de suma importância para o Brasil, a coleção “Amor e Psique”,  conta com mais de cem títulos publicados, desde 1984, com o lançamento da obra “Uma busca interior pela em psicologia e religião”, de James Hillman, graças ao sonho do casal Bonaventure.

“Assim como eu gosto de cultivar o meu jardim, gosto de cultivar a vida da alma, tenho prazer em ver a vida se criar, tenho amor pela vida. A alma, o mistério da alma, essa é a minha paixão. A alma é a interioridade de tudo o que é vivo”.  Dr. Léon Boaventure.